Academia H Saúde - Apostar num Investimento com Retorno


A formação profissional em Portugal é cada vez mais uma prioridade, pois potencia a adaptação dos trabalhadores às exigências das funções a desempenhar num mercado cada vez mais rigoroso e seletivo. 

Na União Europeia, Portugal é ainda um dos países com uma menor taxa de qualificação. Esta lacuna tem impacto a nível socioecónomico, sobretudo, nos níveis de produtividade e rentabilidade das empresas nacionais. A mão-de-obra pouco qualificada põe em causa o investimento que as empresas fazem no capital humano. Assim, a formação profissional constitui-se como a resposta que permite colmatar baixos níveis de produção, fruto de conhecimentos e competências do capital humano insuficientes ou desajustadas, tornando-se de extrema importância, tanto para quem emprega como para os colaboradores que integram uma determinada organização. 

Investir em formação profissional começa, e bem, a ser percecionado como veículo de excelência na valorização do capital humano, não se limitando a um mero cumprimento da legislação do Código de Trabalho (Lei n.o 93/2019 de 4 de setembro, artigo 131o, “O trabalhador tem direito, em cada ano, a um número mínimo de quarenta horas de formação contínua”). 

A aposta na formação profissional deixa de ser encarada como atividade extraprofissional, como uma perda de tempo e como um aumento de custos e é, cada vez mais, vista como um investimento com retorno. 

Empresas que apoiam e investem na formação do seu capital humano ganham uma vantagem competitiva no que diz respeito à captação e retenção de talento de profissionais, já que demonstram um compromisso genuíno para com os seus colaboradores. 

Atualmente vivemos numa era em que a informação é partilhada e gerada a uma velocidade vertiginosa. As descobertas científicas feitas hoje vão, certamente, influenciar as práticas de amanhã, e, em muitos casos, as tendências discutidas ontem, já estão desatualizadas hoje. No âmbito profissional, verifica-se que as técnicas de trabalho tomadas como certas e eficazes, tornam-se, rapidamente, obsoletas e substituíveis. Assim, a formação profissional é essencial para que as empresas e os colaboradores tenham acesso a informação mais atualizada e adaptada às necessidades. 

Mas a aposta no aumento de competências dos colaboradores não deve passar apenas pelas competências técnicas (hard skills), cada vez mais as competências pessoais (soft skills) vão ganhando mais preponderância. Estas competências pessoais caracterizam a forma como um indivíduo interage no relacionamento com os colegas dentro e fora do ambiente de trabalho. Por exemplo, a competência técnica não lhe servirá de nada se não for capaz de confiar nos seus colegas e trabalhar em equipa. 

A pensar em tudo isto e atenta ao contexto europeu e nacional, para além da oferta formativa que dispomos e que pode ser consultada no site do Grupo, a Academia H Saúde posiciona-se numa lógica de oferta formativa à medida, que consiste no desenvolvimento de raiz de um plano de formação 100% ajustado aos requisitos do Cliente, onde ajustamos a formação profissional às necessidades de cada cliente, adaptando os programas à realidade e às necessidades de cada um, através de metodologias dinâmicas, adaptadas à prática profissional e ao crescimento das pessoas e empresas. 

Somos atualmente uma entidade certificada pela DGERT em 5 áreas de formação:
• 341 – Comércio;
• 726 – Terapia e Reabilitação; 

• 762 – Trabalho Social em Orientação;
• 840 – Serviços de Transporte;
• 862 – Segurança e Higiene no Trabalho ;


Estamos em processo de certificação em mais 6 áreas para poder responder a todas as suas necessidades (090 – Desenvolvimento Pessoal; 222 – Línguas e Literaturas Estrangeiras 346 – Secretariado e Trabalho Administrativo; 723 – Enfermagem; 724 – Ciências Dentárias; 729 – Saúde). 

Afirmamo-nos dispostos a contribuir para o crescimento da sua empresa e alavancar o sucesso profissional dos seus colaboradores, caminhando ao seu lado, aperfeiçoando as competências da sua equipa, tornando-os um dos principais trunfos para a Inovação, Produtividade e Confiança. 

Tendo em conta a situação de pandemia que atualmente vivemos, nas nossas formações asseguramos o cumprimento das orientações da Direção Geral da Saúde, nomeadamente em matéria de higienização e distanciamento físico, para garantir a segurança e saúde de todos os intervenientes. A prioridade máxima é a proteção da saúde dos formandos e formadores. 

Seja um empregador que se preocupa. 

Organizações de sucesso têm trabalhadores qualificados, conte connosco para percorrer esse caminho.

 

Francisco Gonçalves

Gestor de Formação da Academia H Saúde

Sexta, 05 de Março de 21